Alunos do Colégio Cruzeiro constroem casa em parceria com ONG TETO

Nos dias 12 e 13 de dezembro, oito alunas do Ensino Médio e duas professoras do Colégio Cruzeiro – Centro estiveram no bairro de Jardim Gramacho, em Duque de Caxias, para a construção de uma moradia de emergência com a ONG chilena TETO. A organização, presente na América Latina e Caribe, busca superar a situação de pobreza em que vivem milhões de pessoas por meio da ação conjunta entre moradores de assentamentos precários e jovens voluntários.

A iniciativa foi a culminância de um trabalho desenvolvido ao longo do ano pela escola, através de campanhas que buscaram reunir apoio material, financeiro e físico de responsáveis, alunos e parceiros para empreender esse projeto.

As oito alunas que voluntariaram-se para o trabalho de construção, Julia Veloso de Oliveira, Sofia de Almeida Gama, Gabriela Pinto Rodrigues, Ana Beatriz Furtado de Oliveira, Ana Carolina Furtado de Oliveira, Bárbara Mello e Dias, Giulia Cerqueira Quast e Nicole Domingues Katz, construíram, na companhia das professoras Luciane Hentschke e Viviane Campos Cinelli, uma moradia de emergência para uma família escolhida com base na condição socioeconômica.

“Ao longo de dois dias, elas puderam vivenciar uma realidade completamente diferente da delas e, ao mesmo tempo, participar de um projeto tão importante para uma comunidade que precisa de atenção. A construção da casa é um marco para essas famílias e um momento muito gratificante para todos nós que acompanhamos”, afirma Luciane Hentschke, Coordenadora do Departamento de Ação Social do Colégio Cruzeiro.

A construção da casa só foi possível graças ao apoio de Carolina e Miguel Tapajós, Lorena Lamego Campos Pereira, Camila Loureiro Campos Pereira e Juliana Mong, além de muitos alunos que participaram com apoio financeiro. A contribuição de responsáveis como Marcelo Brack, Angélica Vieira Bela, Tereza Souza, Valéria Garcia Ferreira, Heloísa Werneck, Zarha Fahiel e Márcio Viveiros e a doação dos materiais usados pelos alunos na construção, feita por Fillipe Luiz de Moura Correia, da empresa Flaviense, foram essenciais para a concretização da iniciativa.

O Colégio Cruzeiro agradece a parceria e a contribuição de todos que se envolveram neste projeto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Últimos dias do troca-troca

Termina nesta sexta-feira, 18 de dezembro, o troca-troca de uniformes e livros promovido pela Ação Social do Colégio Cruzeiro.

Para participar não é necessário doar. As peças de uniformes e livros estão disponíveis no Hall do Transporte, na unidade Centro, e no Hall do Prédio Principal, na unidade Jacarepaguá, das 7h30min às 16h.

A iniciativa visa promover a redução de custos e a sustentabilidade dos recursos naturais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Prêmio Prudential Espírito Comunitário

Alunas do Colégio Cruzeiro integraram o grupo de 26 premiados no Prêmio Prudential Espírito Comunitário, que reconhece as iniciativas de jovens de 15 a 19 anos da cidade do Rio de Janeiro voltadas para a melhoria de vida de suas comunidades.

Bruna Olinto e Marina Freitas, das turmas 202 e 302 da unidade Jacarepaguá, e Bárbara Mello e Dias, da turma 302 do Centro, receberam suas medalhas em cerimônia realizada no Windsor Copacabana, no dia 10 de dezembro, em reconhecimento por seus trabalhos realizados junto ao projeto de Ação Social do Colégio Cruzeiro: “A formação cidadã na escola”.

Bruna Olinto atua na frente de Reforço Escolar, na qual ministra aulas de Matemática para alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, apresentando desde conceitos básicos, como as quatro operações, até equações quadráticas.

Já Bárbara Dias participa do Curta a Praça, projeto desenvolvido pela frente de Liderança Comunitária com o objetivo de revitalizar culturalmente a Praça da Cruz Vermelha, no Centro do Rio de Janeiro.

Marina Freitas, por sua vez, está envolvida no trabalho da frente de Liderança Comunitária que atua no Lar Maria de Lourdes, instituição que presta atendimento a deficientes físicos e mentais. Marina foi a responsável por motivar o grupo a continuar o trabalho, que consistia em doações, visitas e organização de eventos na instituição.

Os três primeiros lugares ficaram com Julia Guimarães, do Service Oriented Students (SOS), da Escola Americana do Rio de Janeiro; Ana Clara Mesquita, voluntária da ONG TETO; e Thaís Mendes, que participa de um projeto escolar na E.T.E. Juscelino Kubitschek. Além do prêmio em dinheiro concedido às três jovens vencedoras, os dois primeiros lugares ganharam, também, uma viagem aos Estados Unidos para representar a versão brasileira do prêmio na confraternização do Spirit of Community Awards, premiação mundial da Prudential, que reúne jovens voluntários de sete países.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ação Social promove troca-troca

Com o objetivo de promover a redução de custos e a sustentabilidade dos recursos naturais, o Departamento de Ação Social vai promover mais uma edição do troca-troca nas duas unidades do Colégio Cruzeiro. Anote as datas!

face (1)

Curta a Praça

Logo Um Centro mais Cultural - Liderança Comunitária CNT

Os alunos voluntários da frente de Liderança Comunitária da Ação Social do Colégio Cruzeiro – Centro promoveram, no dia 15 de novembro, na Praça da Cruz Vermelha, mais uma edição do “Curta a Praça!”, evento da ONG Um Centro + Cultural, desenvolvido por alunos de Ensino Médio sob supervisão da Professora Bianca Vicente.

Além da já tradicional pintura de rosto e da cama elástica, o evento contou com shows acústicos de alunos, oficina de graffiti, torneio de futebol e apresentação dos palhaços do Grupo Palhaçadaria.

A proposta do projeto, em vigor desde 2014, é fazer da praça um espaço de troca, cultura e convívio. Prova de que os esforços estão valendo a pena foi o depoimento de um dos moradores do local. Emocionado, ele se disse surpreso com a dedicação dos alunos, que, “poderiam estar em qualquer outro lugar, mas escolheram estar na Praça da Cruz Vermelha promovendo atividades gratuitas para a comunidade local”.

Na edição do feriado da Proclamação da República, também estiveram presentes ex-alunos; o Vice-Presidente da Sociedade de Beneficência Humboldt – Setor Colégio, Ronald Sharp Junior; a Vice-Diretora do Colégio, Neuza M. B. de Oliveira; a Coordenadora de Alemão da Educação Infantil ao 5º ano, Joyce Pereira; Dona Necy e Camila Costa, colaboradoras do Colégio. O evento contou, ainda, com a presença de André de Castro, Defensor Público Geral do Estado do Rio de Janeiro.

Entrega de diplomas para Dialogando na Escola

Os colaboradores do Colégio Cruzeiro – Centro que integram o grupo Dialogando na Escola, curso de aperfeiçoamento oferecido pela Ação Social, receberam, no dia 13 de novembro, o certificado de participação no projeto.

Em um depoimento emocionado, a Professora Verônica Lino, que conduz as atividades do grupo, agradeceu pela participação de todos, e a Coordenadora de Ação Social, Luciane Hentschke, parabenizou a todos pela dedicação.

Além de participarem de um lanche, os colaboradores expuseram os trabalhos realizados sob supervisão da Coordenadora de Arte, Marlene Medrado, que abordou com a turma obras de artistas do movimento Impressionista.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ação Social antecipa o Natal

Os alunos voluntários e as professoras da Ação Social receberam, no dia 13 de novembro, crianças da Escola Dom Cipriano Chagas, da Creche Irmã Paula e da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) para uma tarde de confraternização no Colégio Cruzeiro – Centro.

Na programação, além do tradicional cachorro-quente da Dona Necy, colaboradora do Colégio Cruzeiro, as crianças se divertiram com oficinas de massinha e salão de beleza. A Coordenação do Tempo Integral e das Atividades Extraclasse preparou a apresentação do Coral infanto-juvenil da escola e do Conjunto Coreográfico. Para encerrar, uma surpresa: o bom velhinho entregou presentes para todas as crianças das instituições parceiras.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cerimônia celebra o ano de 2015 na Ação Social

Os alunos que fazem parte da Ação Social do Colégio Cruzeiro – Centro participaram, no dia 06 de novembro, no auditório da unidade, da cerimônia de entrega de certificados do Projeto.

Pais, familiares, equipe de Direção (representada pelas coordenadoras Lucimar Motta e Isabel Monteiro e pela orientadora Denise Peterson), diretores e vice-diretoras das duas unidades e o Vice-Presidente da SBH, Ronald Sharp Junior, estiveram presentes para prestigiar o grupo, formado por alunos do 6º ano ao Ensino Médio.

“As tardes de sexta-feira na escola, há 9 anos, tem sido um marco. Alunos investindo seu tempo para beneficiarem o próximo. Não é preciso falar aqui o quanto o voluntariado faz bem para esses alunos que aqui estão e para nós quanto profissionais dessa escola e, acima de tudo, cidadãos como vocês. É realmente apaixonante”, afirmou a coordenadora da Ação, Luciane Hentschke, durante a abertura do evento.

Um vídeo com depoimentos e fotos dos alunos e professores que atuam no projeto foi apresentado e ajudou a contar essa história de sucesso através do trabalho das diferentes frentes: Recreação infantil, Recreação adulta, Reforço escolar, Conto de Histórias, Educação Ambiental, Esporte, Liderança Comunitária e Dialogando na Escola.

Mães de alunos da Ação Social, Andrea Cvaigman e Marcia Mendonça relataram a importância dos filhos participarem do projeto e o quanto isso é um diferencial na escolha da escola para seus filhos. Já a Gerente de projetos da ONG Junior Achievement, Keila Bilatto, parabenizou o grupo e elogiou a parceria com o Colégio Cruzeiro, a única escola do Rio de Janeiro a desenvolver esse tipo de trabalho de Liderança Comunitária.

“Muitas conquistas temos recebido a cada ano que passa. Prêmios, selos e agora mais uma novidade: escola associada à Unesco. O que muito nos orgulha. Cada vez mais buscamos aprimorar esse projeto que nos enche de orgulho. Formar cidadãos integrais, em busca de um mundo melhor, mais justo. Esse é o nosso objetivo”, destacou Luciane.

Ao final da cerimônia, os professores responsáveis por cada frente entregaram os certificados e uma caneca da Ação Social para cada aluno.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Grêmio estudantil promove cinedebate sobre LGBTfobia

O Grêmio Estudantil do Colégio Cruzeiro – Centro promoveu, no dia 5 de outubro, o Cinedebate “LGBTfobia”.

Durante o encontro, aberto para todos os alunos da unidade, foi exibido o curta “Eu não quero voltar sozinho” (2010), de Daniel Ribeiro, e, em seguida, os estudantes participaram de uma mesa redonda com a psicóloga Natália Travassos e as convidadas Daniele Balbi e Ana Lúcia Lodi, que compartilharam suas experiências como transgênero e homossexual, respectivamente. Durante a conversa, também foi debatido o Estatuto da Família, aprovado no dia 24 de setembro, que definiu família como a união somente entre homem e mulher.

“É importante trazer esse debate para a escola para conscientizar os alunos. E queríamos abordar não só a questão da homossexualidade, como a do transgênero também”, explicou Nathália Rouxinol, Secretária de Cultura do Grêmio e aluna da turma 204.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Colégio Cruzeiro participa de encontro PEA Unesco

Entre os dias 30 de setembro e 2 de outubro, o Colégio Cruzeiro participou do XXI Encontro Nacional do Programa das Escolas Associadas da Unesco do Brasil, realizado em Curitiba (PR).

Representados pela Coordenadora de Ação Social, Luciane Hentschke, e pelo Diretor da unidade Centro, Egon Paulo Dreyer, as duas unidades do Colégio receberam o certificado de Escola Parceira da UNESCO. O programa consiste no estímulo a projetos dirigidos à ampliação da consciência de cidadania. Além de passar a integrar uma comunidade internacional composta por cerca de 8 mil escolas em 177 países, o Colégio Cruzeiro é convidado a  participar de concursos internacionais lançados pela Unesco e receber materiais produzidos pela agência.

Durante o evento, o Colégio também participou de uma série de palestras e conferências como “Pensar o planeta, pensar a cidadania global”, com Demétrio Magnoli, “Educar em valores, em tempos de globalização”, por César Nunes, e “Tecnologia e globalização: por um mundo sem fronteiras”, por Sílvio Meira.

Luciane e Egon também tiveram a oportunidade de conhecer o Colégio Opet, em especial a “Cidade Mirim”, projeto voltado para os alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental I da Instituição. Em uma minicidade estruturada em polos Político, de Serviços, Ambiental e Cultural, as crianças podem experimentar, na prática, conceitos de cidadania.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.